Pastora Ludmila Ferber morre, aos 56 anos, após luta contra o câncer

Pastora Ludmila Ferber morre, aos 56 anos, após luta contra o câncer

Morreu, na noite desta quarta-feira (26), a pastora, cantora e compositora gospel Ludmila Ferber. A artista, já há algum tempo, lutava contra um câncer no pulmão, com metástases no fígado e nos ossos. Ela teria iniciado o quinto tratamento contra a doença em um hospital de São Paulo na semana passada.

Em junho de 2021, Ludmila fez uma publicação informando que estava suspendendo o quarto tratamento por ineficácia. Ela afirmou que após dois ciclos desse tratamento, as células afetadas continuavam avançando.

Na época, a cantora afirmou que não recebia a notícia com tristeza, mas com fé. Ela chegou a mencionar que o quinto tratamento seria iniciado em breve e que essa fase exigiria muitos cuidados.
A artista citou um trecho de uma das suas músicas: “Não desista, não pare de crer”.

Dois dos maiores sucessos da carreira de Ludmila foram as canções “Sonhos de Deus” e “Nunca Pare de Lutar”.

A última publicação de Ferber em seu perfil no Instagram foi feita há dois dias.

“Quando tudo parece estranho ao redor, buscar tua face é preciso, Deus. Quando a gente não sabe o que está ocorrendo, buscar tua face é preciso, Deus. Quando a fúria dos ventos vem contra nós, e a vontade é sumir e calar a voz, é nessa hora que a gente precisa lutar e jamais desistir. Justamente agora é o momento de se humilhar e buscar a face de Deus“, escreveu.

Ludmila, que foi casada de 1987 a 2014 com José Antônio Lino, deixa as três filhas do ex-casal: Daniela Ferber Lino, Ana Lídia Ferber Lino e Vanessa Ferber Lino.

Confira vídeo a seguir…

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.